Susana Vieira revela que se casou com galã dos anos 70 posteriormente romance em romance · Notícias da TV

0
40

Susana Vieira revelou que se casou com o galã dos anos 1970 Rubens de Falco (1931-2008) posteriormente viver romance com ele na romance A Sucessora (1978). Ela contou que se apaixonou logo de rostro e se mudou com o ator para a Europa, onde ficaram por um ano. “Foi a única vez que eu me apaixonei por um ator em cena. A única, em 60 anos de curso”, declarou.

Aos 78 anos de idade, a veterana da TV detalhou uma vez que tudo aconteceu, durante uma live transmitida no Instagram da também atriz Thais de Campos. “Eu tinha 36 anos e fazia uma personagem de 18, tímida, que falava reles e que se apaixonava pelo personagem do Rubens de Falco. Me entreguei tanto para essa romance”, iniciou.

Susana disse também que o jeito recatado do ator a deixava insegura. “Fiquei com pavor do Rubens. Não o conhecia. Ele tinha um jeito muito sério. Não tinha nenhuma intimidade com ele. Portanto, o enlace da romance casou com a vida real. Tinha pavor dele na vida real. Ele era um divo quieto. Me apaixonei e a gente casou. Ficamos um ano morando em Portugal, viajando pela Europa”, completou.

Rubens de Falco e Susana Vieira em 1978 (Divulgação)

A artista frisou ainda que os dois se apaixonaram na primeira cena de ósculo e que o romance acabou por conta da intervalo.

“Na hora que a gente se beijou pela primeira vez deu um choque, uma coisa que foi mútua. Eu podia ter me enamorado por ele, e ele não me querer. Porquê foi proveniente dos dois, a gente continuou gravando e fizemos uma lua de mel em Portugal. Fomos uma viagem até Turquia, Grécia, Irã, Ilhas Gregas… Depois voltamos para Portugal, ficamos vivendo seis meses juntos, depois voltamos para cá, e ele voltou para São Paulo. E aí o paixão com à intervalo acabou mesmo”, encerrou.

Rubens de Falco morreu em 2008, aos 78 anos, vítima de um ataque cardíaco decorrente de uma embolia.

Política de comentários

Nascente espaço visa ampliar o debate sobre o objecto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de reles gíria, incitam a violência, exprimam exposição de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui