Revisões do Bolsa Família e do CadÚnico?

0
42

As revisões do cadastro do Bolsa Família e do Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federalista, foram suspensas por mais 90 dias. A medida foi publicada nesta segunda-feira (18), no Quotidiano Solene da União (DOU), por meio da Portaria nº 591, do Ministério da Cidadania.

Consequentemente neste prazo também não deve ocorrer:

  • A pesquisa cadastral;
  • As ações especiais de pagamento ;
  •  A emprego dos efeitos decorrentes do descumprimento das condicionalidades do Programa Bolsa Família;
  •  Medidas de bloqueio dos benefícios de famílias sem informações essenciais, porquê o comitiva de saúde e ensino;

De pacto com o texto, assinado pelo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, a decisão foi motivada devido a pandemia do coronavírus. “A premência de evitar aglomerações e exposição à infecção pelo novo Coronavírus de integrantes de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família, de famílias do Cadastro Único ou de pessoas em procura de atendimento para cadastramento, e, ainda, de cidadãos que trabalham em unidades de cadastro”, menciona a portaria.

A pasta também destacou que a operação dos programas estão prejudicadas em muitos municípios, pelo menos três motivos:

  • Situações porquê suspensão de aulas
  • Direcionamento de atividades das unidades de saúde para atender aos infectados pelo COVID-19
  • Modificação no funcionamento de alguns Centros de Referência de Assistência Social e demais postos de cadastramento

Anteriormente o governo federalista já havia estabelecido a suspensão de revisões em 180 dias, prazo que já se encerrou. Agora, se não houver novidade prorrogação, os cadastros só devem ser revisados em abril. 

Com isso o valor do Índice de Gestão Descentralizada Municipal do Programa Bolsa Família (IGD-PBF) repassado aos munícipios terá porquê base fevereiro de 2020.

Calendário do Bolsa Família

O pagamento do Bolsa Família se iniciou nesta segunda-feira (18), depois o termo do Auxílio Emergencial. O pagamento foi realizado hoje para os beneficiários com Número de Identificação Social (NIS) de final 1.

O valor poderá ser sacado ou ser usado por meio do crédito em conta bancária. Sempre os depósitos são feitos no 10 dia útil de cada mês.

Uma novidade é a transmigração de contas. A Caixa começou em dezembro a possibilitar que beneficiários que antes recebiam com o Cartão Cidadão, agora tenham também a poupança social do dedo.

Confira os próximos pagamentos: 

Recebem dia 19 de janeiro: NIS 2;

Recebem dia 20 de janeiro: NIS 3;

Recebem dia 21 de janeiro: NIS 4;

Recebem dia 22 de janeiro: NIS 5;

Recebem dia 25 de janeiro: NIS 6;

Recebem dia 26 de janeiro: NIS 7;

Recebem dia 27 de janeiro: NIS 8;

Recebem dia 28 de janeiro: NIS 9;

Recebem dia 29 de janeiro: NIS 0.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui