Prefeito se reúne com empresários para explicar novas medidas restritivas

0
27

O prefeito Dr. Francisco Nakano se reuniu com empresários do município na última segunda-feira, 18/01, para esclarecer as novas medidas de combate à propagação do novo coronavírus em Itapecerica da Serra. O encontro realizado no gabinete contou com a presença do vice-prefeito Rafael de Oliveira, gerente de gabinete Edson Roble, além dos secretários Dr. Manoel Bonfim (Assuntos Jurídicos) e Fernando Andrade (Serviços Urbanos).

Dr. Nakano explicou que as restrições impostas pelo decreto do último sábado, 16 de janeiro, atenderam uma recomendação do Governo do Estado, por conta da subida taxa de ocupação dos leitos de UTI na cidade. O objetivo é diminuir a circulação de pessoas e assim moderar o contágio, para que não haja uma situação mais severa no horizonte.

Diante da preocupação dos comerciantes com a previsão de reabertura na cidade, o prefeito explicou: “Dia 22 haverá uma novidade avaliação. Se diminuir a taxa de ocupação dos leitos de UTI, já revogo o decreto”.

De conformidade com Dr. Nakano, os pontos decisivos na retomada da restrição foram: o fechamento ao público do Hospital Universal de Itapecerica da Serra a partir de 1º de fevereiro; a contenção da propagação do vírus para prometer o retorno das aulas no município no início de março; e o cumprimento da recomendação do Governo do Estado para que a cidade tenha prioridade na vacinação. “Uma vez que eu garanto as vacinas para nossa população?  Itapecerica da Serra seguiu o protocolo uma vez que vocês (Estado) pediram e orientaram, agora quero prioridade”, destacou o prefeito.

O gerente do Poder Executivo municipal também informou aos empresários que está montando um Núcleo de Referência para tratamento da Covid-19 na cidade, no lugar onde hoje funciona o Núcleo de Especialidades Municipal. O espaço, que vai atender a demanda que surgirá com o fechamento do HGIS, fará o primeiro atendimento e contará com o suporte de leitos de reparo do Pronto-Socorro; exclusivamente os casos mais graves serão encaminhados ao hospital.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui