Pai de Ludmilla nega aproximação por quantia: ‘Não vou te extorquir’ Pai de Ludmilla nega aproximação por quantia: ‘Não vou te extorquir’ | Celebridades

0
18

Rio – Luiz Antônio da Silva, pai de Lumdilla, se pronunciou depois as notícias de que ele estaria ameaçando expor a filha para conseguir quantia. As acusações teriam sido feitas por Silvana Oliveira, mãe da cantora, mas Luiz nega essa história. Ele também relembrou o pretérito ao lado da funkeira e falou que não tem a intenção de prejudicar a artista.

Em entrevista ao colunista Leo Dias, do site Metrópoles, Luiz falou que morou com Silvana por anos e teve uma filha com ela, Ludmilla. Ele defendeu que foi um pai presente até o momento que foi recluso. “Entre indas e vindas eu sempre estive perto da minha filha. Só que tinha uma vida louca, que me levou ao fundo do posso”, disse.

Luiz não quis expressar os motivos que o levaram à prisão, mas segundo o colunista foi por roubo. Ele contou que esteve recluso duas vezes e no totalidade ficou 16 anos em privação de liberdade. O pai da cantora falou que da ergástulo não conseguiu cuidar dos filhos, mas antes disso fez tudo o que pode para eles. “Nunca abandonei a minha filha. Enquanto eu estive cá, as maiores festas eu que fazia. Quando eu perdi tudo isso, eu não prestei mais para essa senhora [Silvana]”, diz.

O pai de Ludmilla negou que ganhou uma morada da cantora quando foi solto pela última vez. Segundo ele, a funkeira dava somente R$ 1.600 para o aluguel, pois Silvana não deixou que ela bancasse a construção de uma morada. “Ela mandou alugar para sempre poder pisar e me maltratar”, acredita Luiz.

Ele também desmentiu que tenha perdido bens que ganhou de Ludmilla por conta de um suposto vício em jogo. Outrossim, Luiz, que diz ser cantor e compositor, falou que a família da cantora não permite que ele tenha contato com ela. “Toda vez que eu vou na morada da Ludmilla desce o padrasto e me trata porquê se eu fosse o maior lixo da face da terreno. Não deixando que eu chegue perto da minha filha para explicar para ela o quanto eu senhoril”, conta.

Luiz ainda fala que colocaram na cabeça da filha que ele quer se aproximar interessado no quantia que ela tem. O compositor fala que Ludmilla nunca o tratou mal e nega que a intenção de se aproveitar da riqueza da filha. “Eu nunca fui cafetão. O que eu quero é aproximação, ver minha filha, abraçar ela e provar que eu sou pai dela”, afirma.

Por término, Luiz mandou um recado diretamente para Ludmilla. Ele disse para a filha não confiar integralmente no que Silvana diz. “Isso que a sua mãe fala de ameaço é só para prejudicar aquela vida regressa que eu tinha. Eu não vou te extorquir, você é minha filha”, conclui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui