Harley-Davidson mostra novidade Pan America 1250, moto aventureira com 152 cv – 22/02/2021

0
42

A Harley-Davidson finalmente apresentou hoje a novidade Pan America 1250, primeira moto aventureira da marca norte-americana. O padrão traz um novo motor de 1.252 cm³ e 152 cv de potência máxima, mas com a velha feição de dois cilindros em “V”. A Pan America chega às lojas em maio nos Estados Unidos, com preço a partir de 17.319 dólares (tapume de R$ 95 milénio).

A bigtrail da Harley será vendida em duas versões, que se diferenciam pela lista de equipamentos e também pelo pacote tecnológico. A versão mais sofisticada, batizada de Special, conta com sensor de mensuração inercial (IMU) de seis eixos, suspensões semi-ativas e ajuste de profundidade eletrônico. O preço da Pan America Special, nos Estados Unidos, é de 19.999 dólares (tapume de R$ 109 milénio).

Visual inusitado

O design da Pan America não foi muito substituído desde que o padrão fez sua estreia mundial, ainda uma vez que protótipo, no Salão de Milão em 2019. Seu conjunto óptico, formado por um farol de LED retangular, rodeado por uma grande carenagem com para-brisa confere um porte avantajado à aventureira da Harley, com as massas concentradas na secção frente da moto. Sensação reforçada pelo grande tanque de combustível, com capacidade para 21,1 litros.

Pan America 1250 Special tem suspensões eletrônicas e rodas raiadas, para pneus sem câmara

Imagem: Divulgação

Também ganha destaque no visual o novo motor V2 batizado de Revolution Max. Com 1.252 cm³ de capacidade e esfriamento líquido, o propulsor é secção integrante da estrutura do chassi. Receita escolhida para reduzir o peso do quadro, segundo a Harley. O subquadro é tubular e resulta em uma traseira minimalista. Completam o visual, uma balança monoamortecida e uma grande saída de escapamento, do lado esquerdo da moto.

Motor de 152 cv

Com esfriamento líquido, o motor tem quatro válvulas por cilindro e comando duplo no cabeçote. A novidade fica por conta do comando de válvulas variável que, segundo a marca norte-americana, permitiu manter o bom torque em baixos regimes, mas sem sacrificar a potência em altos giros.

motor revolution max - Divulgação - Divulgação

Motor tem 1252 cm³, esfriamento líquido e quatro válvulas por cilindro, com comando variável

Imagem: Divulgação

Os números de desempenho não surpreendem, mas estão de pacto com as concorrentes do mesmo segmento. O novo Revolution Max 1250 produz 12,95 kgf.m de torque supremo a 6.750 rpm. E bons 152 cv de potência máxima a 9.000 giros. O câmbio da Pan America é de seis velocidades e a transmissão final, por fluente.

Ciclística aventureira

Além do compacto quadro, com o motor fazendo secção da estrutura, a Harley-Davidson apostou em uma ciclística “aventureira” para a Pan America 1250. Ou seja, suspensões de curso longo, posição de pilotagem ereta e rodas calçadas com pneus de uso misto.

Equipada com rodas aro 19, na frente, e 17, na traseira, calça pneus radiais Michelin Scorcher Adventure, criados pela fábrica francesa principalmente para a bigtrail da Harley. As rodas originais são de liga-leve, mas existem rodas com raios externos para usar pneu sem câmara uma vez que opcional. A versão Special já vem com as rodas raiadas nos Estados Unidos.

pan america 1250 - Divulgação - Divulgação

H-D Pan America tem garfo telescópico virado, na frente, e monoamortecedor, na traseira; ambos com 191 mm de curso

Imagem: Divulgação

Os freios são a disco nas duas rodas com sistema ABS de série. São dois discos de 320 mm de diâmetro, com quatro pinças radiais monobloco da grife Brembo, na frente, e um disco flutuante de 280 mm de diâmetro, com pinça simples, detrás.

As suspensões são formadas por dois garfos telescópicos invertidos (upside-down), na frente, e um monoamortecedor fixado por links à balança traseira. Ambas têm 191 mm de curso, com ajustes eletrônicos e atuação semi-ativa. O conjunto tem bons 210 mm de intervalo do solo.

A versão Special ainda traz um ajuste eletrônico, para reduzir a profundidade do assento enquanto a moto estiver paragem. Originalmente, o banco fica a 850 mm do solo, mas pode a intervalo ser reduzida para 830 mm com a suspensão opcional.

A boa notícia fica por conta do peso da Pan America 1250. Em ordem de marcha, a bigtrail da Harley pesa 242 kg, na versão standard, e 254 kg, na versão Special. Só uma vez que verificação, a BMW R 1250 GS, referência no segmento aventureiro, pesa 249 kg, pronta para rodar.

Pintura do dedo e conexão Bluetooth

Uma vez que não poderia faltar em uma moto que chega para disputar o concorrido segmento aventureiro, a Harley-Davidson Pan America temum completo pacote eletrônico, chamado pela marca de Reflex Defensive Rider Systems (RDRS). Os sistemas contam com freios ABS combinados e otimizados para curvas, controle de tração, controle de derrapagem, assistência de partida em subida e ainda um sistema de monitoramento da pressão dos pneus.

bigtrail da harley - Divulgação - Divulgação

Versão Special da Pan America tem equipamentos uma vez que aquecedor de manopla, protetores e um individual sistema de ajuste de profundidade do banco

Imagem: Divulgação

A versão Special ainda oferece as suspensões eletrônicas semi-ativas e o ajuste de profundidade, além de outros equipamentos uma vez que protetor de mão, manoplas aquecidas, protetor de cárter e o sensor de mensuração inercial, que ajusta os controles eletrônicos com mais precisão e rapidez.

O tela totalmente do dedo tem uma tela colorida de 6,8” com diversas informações. Há conexão Bluetooth para parear o smartphone, por meio de um aplicativo da própria Harley-Davidson. Isso significa que a Pan America não terá Apple Car Play uma vez que os modelos da família Touring.

Mercado

A novidade Pan America 1250 faz secção do novo projecto de negócios da Harley-Davidson, que tem uma vez que objetivo virar os prejuízos e a queda nas vendas de motos da marca nos últimos anos.

pan america 1250 - Divulgação - Divulgação

HD Pan America 1250 começa a ser vendida em maio nos EUA; padrão base sai por 17.319 dólares, tapume de R$ 95 milénio

Imagem: Divulgação

Embora insista no seu pretérito explorador e aventureiro, a Harley estava fora do segmento bigtrail até logo. Com o lançamento do novo padrão, a marca norte-americana pretende disputar com as aventureiras tecnológicas de grande porte das outras fabricantes. Além da já citada BMW R 1250 GS, Ducati Multistrada 1250 e Triumph Tiger 1200 são as concorrentes da novidade Pan America 1250.

A moto aventureira da Harley-Davidson começa a ser vendida nos Estados Unidos em maio. Consultada, a subsidiária da Harley no Brasil afirmou que ainda não há previsão da chegada do padrão ao mercado pátrio. Entretanto, tudo indica que a novidade Pan America 1250 deverá ser a estrela do estande da marca no próximo Salão Duas Rodas, marcado para intercorrer em novembro deste ano.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui