Governo de SP faz parceria com o WhatsApp para pré-cadastro de vacinação

0
69

O Governador João Doria anunciou nesta quarta-feira (7) a rombo de pré-cadastro para vacinação contra a COVID-19 via WhatsApp. Inédita no Brasil, a iniciativa fará a integração entre o site Vacina Já e o meato solene do Governo de São Paulo no aplicativo de mensagens, garantindo desembaraço e praticidade nos futuros atendimentos nos postos de vacinação.

“Muito obrigado ao WhatsApp, exemplo de cooperação entre o setor privado e o Governo do Estado de São Paulo para ajudar a salvar vidas e a proteger as pessoas”, enfatizou Doria.

A parceria entre as Secretarias de Informação e da Saúde do governo de São Paulo e o WhatsApp viabilizou o uso de um assistente virtual que oferecerá as informações necessárias para o pré-cadastro. Aliás, o chatbot oferece informações confiáveis sobre o programa de imunização estadual, incluindo o calendário de vacinação atualizado, dados sobre o Projecto São Paulo e tira-dúvidas sobre o coronavírus.

Para acessar o serviço no WhatsApp, basta juntar o número +55 11 95220-2923 à lista de contatos e enviar um “oi” ou clicar no link wa.me/5511952202923?text=oi .

“O uso do WhatsApp uma vez que meato de notícia para o pré-cadastro da vacinação reforça o compromisso da empresa em conectar, de forma simples e rápida, seus usuários com fontes confiáveis e acessíveis de informação no combate à pandemia. A interface amigável e já conhecida do aplicativo trará mais fluidez para a emprego das vacinas. Seguimos trabalhando para oferecer mais serviços e utilidade ao cidadão pelo meato do Estado de São Paulo no WhatsApp”, afirmou Dario Durigan, Head de Políticas Públicas do WhatsApp no Brasil.

O pré-cadastro permite uma economia de até 90% no atendimento de cada pessoa apta a se vacinar. O preenchimento do formulário não é obrigatório e não funciona uma vez que agendamento, mas contribui para evitar filas nos postos de vacinação. Até esta quarta, muro de 4,9 milhões de pessoas já efetuaram o pré-cadastro no site vacinaja.sp.gov.br. 

“É a tecnologia da notícia sendo usada em mercê da saúde pública e da vida no estado de São Paulo”, destacou Regiane de Paula, coordenadora do Meio de Controle de Doenças.

Sobre a tecnologia

O meato de notícia do Governo de São Paulo no WhatsApp foi desenvolvido gratuitamente pela empresa Take Blip, provedora solene de soluções para o WhatsApp Business. O projeto também conta com o pedestal da Microsoft e da Prodesp, empresa de tecnologia do Estado. 

A parceria faz segmento das iniciativas do WhatsApp no combate ao coronavírus depois a OMS (Organização Mundial da Saúde) declarar emergência mundial de saúde pública em 2020. Desde portanto, o WhatsApp tem trabalhado para conectar as pessoas a fontes oficiais de informações sobre o coronavírus.

Mais de 100 chatbots de informações sobre a COVID-19 foram lançados com organizações de saúde em todo o mundo, uma vez que a própria OMS – com um meato em português –, além de parcerias com autoridades de saúde em mais de 45 países.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui