Fundo de impacto do BTG elege empresa de ensino para primeiro aporte

0
96
Links Patrocinados

Estreia tripla. O primeiro fundo de private equity de investimentos sustentáveis e de impacto lançado pelo BTG Pactual (do mesmo grupo controlador da EXAME) encontrou sua primeira investida: a edtech brasiliense Gran Cursos Online.

A empresa atraiu interesse por sua atuação no segmento de ensino e recebeu o aporte antes mesmo da desfecho da primeira janela de captação da carteira. Fundada em 2012 pelos empreendedores Gabriel Granjeiro e Rodrigo Embatucado, a companhia criou um padrão de cursos online preparatórios para concursos públicos e provas profissionais, uma vez que exames de ordem e de residência médica, que já formou mais de 1 milhão de alunos. É uma das maiores nesse segmento. Até cá, o negócio andou com as próprias pernas. O pacto também marca a primeira captação realizada pela companhia desde sua instauração. Daí, o triplo debut.

O valor do aporte é mantido em sigilo, mas investimentos de private equity desse tipo de fundo costumam movimentar em torno de R$ 150 milhões. É um tíquete maior do que o padrão de venture capital, mas menor do que o segmento tradicional de private equity. Tudo que se sabe é que se trata de uma fatia minoritária. A compra aguarda aprovação pelo Recomendação Administrativo de Resguardo Econômica (Cade).

A Gran Cursos é uma edtech, mas não se considera uma startup — apesar de ter o ritmo de desenvolvimento de uma. Atualmente, a plataforma tem 250.000 alunos ativos. Seu padrão é uma vez que uma “Netflix da ensino”, em que o cliente paga uma assinatura de muro de R$ 60 por mês e pode consumir quantos cursos desejar.

O presidente Gabriel Granjeiro contou ao EXAME IN que o investimento do fundo vai permitir a injeção de recursos em áreas estratégicas para sua expansão pátrio, uma vez que marketing e tecnologia. Com alunos em mais de 1.206 municípios brasileiros, a empresa quer ter presença em toda cidade do país que tenha chegada à internet. Para isso, irá somar mais 150 novos contratados ao seu time de 500 funcionários e 550 professores parceiros.

Fusões e aquisições, para ampliar o rol de cursos, também passam a fazer segmento do cardápio. Áreas com grande potencial de desenvolvimento e que atravessam um momento de mudança, uma vez que o ensino superior, são os principais alvos. No ano pretérito, a empresa já deu os primeiros passos nessa direção e lançou cursos de pós-graduação online para as áreas de saúde e legislação. “Não temos uma meta definida de M&As, vamos fazer um trabalho cirúrgico para encontrar uma oportunidade que faça sentido para a empresa”, diz o co-fundador.

Com os investimentos, a Gran Cursos espera um desenvolvimento de 40% na receita já em 2021. No ano pretérito, com o boom do mercado de ensino do dedo provocado pela pandemia, o número de estudantes aumentou 50% e projeção é que neste ano a expansão seja ainda maior, de 60%.

O fundo

Batizada de BTG Pactual Investimentos Sustentáveis e de Impacto, a carteira começou a captar em janeiro deste ano e já levantou R$ 400 milhões. O objetivo é reunir entre R$ 600 milhões e R$ 650 milhões nessa primeira janela, para investir em negócios que possam gerar impacto positivo para a sociedade e alinhados aos objetivos de desenvolvimento da Organização das Nacões Unidas (ONU) — seguindo critérios do Banco Mundial para mensurar os resultados. Com duração prevista de sete anos, o portfólio tem uma meta de retorno de 20% mais o valor da inflação ao ano.

Na mira do fundo, estão os mais diversos setores: do agronegócio sustentável, passando por saúde e bem-estar, ensino, saneamento até transporte sustentável e segurança cevar, para reportar alguns.

No caso da Gran Cursos Online, o destaque que a tornou elegível é a capacidade de transformar a vida das pessoas pelo trabalho e tirar milhares de pessoas da informalidade. Aliás, mais da metade da plataforma é formada por alunas mulheres. Também chamou atenção o esforço tecnológico da companhia para inclusão de pessoas com necessidades especiais auditivas e visuais. A plataforma oferece mais de 106 milénio videoaulas com legendas automáticas e conteúdos em audiolivros, num totalidade de 86 milénio horas de gravações.

Está definitivamente oportunidade a temporada dos bons negócios.

Links Patrocinados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui