Entenda a diferença entre pessoa física e jurídica

0
15

Pessoa jurídica, ou PJ, é um termo muito usado em um momento onde muito se fala de empreendedorismo, trabalhos autônomos, freelancers e formas de fazer negócio. Mas a termo ainda pode confundir muitas pessoas, e pode ser confundida com a pessoa física. Em suma, todo ser humano é uma pessoa física e as empresas são pessoas jurídicas. Ou por outra, existem diferenças nos direitos e deveres.

 

O que é pessoa física?

Pessoa procedente, conforme o termo usado no Código Social. Ou seja, o noção vale para todos os seres humanos que já nasceram, mesmo que não registrados pelo CPF (Cadastro de Pessoa Física). Portanto, trata-se de um sujeito concreto, um ser humano. Assim, todos são pessoa física do promanação até a morte, com direitos e deveres. Em suma, dentre os direitos da pessoa física, estão votar, ser eleito para cargos públicos, ter um nome, proteção e privacidade.

 

O que é pessoa jurídica?

– CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE –

Uma pessoa jurídica, ou PJ, é uma entidade formada por uma ou mais pessoas físicas. Tem registro sob um CNPJ (Cadastro Pátrio de Pessoa Jurídica). Entidade que reúne pessoas e patrimônios, com personalidade independente dos seus membros. Representa, assim, um sujeito abstrato. Podem ser:

  • empresas
  • ONGs
  • partidos políticos
  • sociedades
  • fundações
  • igrejas

É uma entidade reconhecida pelo estado em que é registrada. Por outro lado, possuem direitos e obrigações específicas e são criados com finalidades específicas, seja a prestação de serviços, comercialização de produtos ou gestão. Basicamente, todo PJ é uma PF, mas não o contrário.

 

Quais as classificações da pessoa jurídica?

Dentre os direitos da pessoa jurídica, está a propriedade intelectual, o sigilo industrial, o nome e logotipo. Assim, também depende de uma inserção em uma modalidade, uma vez que o ME (microempresário). Existem três classificações, segundo o Código Social brasiliano:

  • Pessoa jurídica de recta público interno: logo criados por lei, inclui entidades que representam juridicamente a União, os estados, municípios e outros órgãos que formam a gestão pública.
  • Recta público extrínseco: Estados estrangeiros e organismos internacionais;
  • Recta privado: demais entidades.

 

Quais as características?

A constituição de uma pessoa jurídica também lhe confere certas características. Dessa forma, são elas:

  • o que dá origem é a vontade humana;
  • é a organização de pessoas e recursos;
  • tem reconhecimento pela norma jurídica;
  • enfim, atende as formalidades legais.

 

Quais os tipos de empresas existentes?

Para a inserção em uma modalidade, é preciso saber os tipos de empresas que é provável optar. Confira:

  • MEI;
  • EIRELI;
  • Sociedade Empresária Limitada;
  • Sociedade Simples;
  • Empresário Individual;
  • Sociedade Anônima;
  • Sociedade Limitada Unipessoal.

Ou por outra, também existem os tipos de regimes tributários, que podem ser: Simples Pátrio, mais usado por pequenas empresas, Lucro Presumido e Lucro Real.

 

Leia também:

‘BIP’: veja o que muda no novo auxílio emergencial

Saiba uma vez que dar ingresso no Seguro DPVAT pelo aplicativo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui