DESCUBRA se o governo oferece vale-gás de R$ 110

0
21

Circula pela internet e por aplicativos de mensagens, uma vez que o WhatsApp, a informação que o governo federalista estaria oferecendo a população um vale-gás de R$ 110. Em checagem realizada pela escritório Lupa foi constatado que a informação na veras é fake e espalhada por possíveis criminosos na procura de roubar dados pessoais.

Para chegar a está epílogo, a escritório Lupa chegou a questionar o Ministério da Cidadania que negou qualquer programa uma vez que o vale-gás estabelecido pelo governo federalista. A Pasta ainda destacou, em nota, que notícias falsas semelhantes estão sendo divulgadas desde o ano pretérito.

Na veras a mensagem indica para o preenchimento de um formulário. Em posse dos dados, os criminosos poderão impor golpes e até vender os seus dados. Por isso é importante permanecer alerta.

Saiba também uma vez que não desabar no golpe do falso empréstimo clicando cá. 

O que existe até agora são programas individuas de governos estaduais que oferecem benefícios similares. Oriente é caso, por exemplo, do governo do Ceará que lançou  na quarta-feira (07) um programa para atender 255 milénio famílias de baixa renda.

Mensagem antiga sobre o vale-gás

Na veras o golpe só foi remodelado. Ainda em maio de 2020, os criminosos apostavam para a promessa do auxílio-gás. A mensagem circulou principalmente pelas redes sociais.

Ainda em fevereiro deste ano o Ministério da Cidadania publico uma nota sobre o ponto: “O favor não existe. NÃO clique em links duvidosos e certifique-se sempre de verificar as informações nos canais oficiais do governo federalista. Saiba mais: www.cidadania.gov.br“, diz o post.

O golpe antes informava uma mensagem dissemelhante e o valor R$ 90 para o vale-gás. Desta vez, o texto indica  R$ 110. Ambos os valores nunca foram oferecidos neste sentido pelo governo federalista.

Vale-combustível

Quase uma vez que um primo do vale-gás é o vale-combustivél da Petrobras. Porém dessa vez os criminosos criaram um site falso, com logo do governo federalista, que imita um site solene.

Na mensagem, um link é enviado e pede a realização de um cadastro. A vítima que recebe a mensagem é direcionada para um site falso, precisa preencher alguns dados e ainda pede que o texto seja compartilhado em grupos do WhatsApp. Ao final o usuário ainda é direcionado para um site que tenta roubar informações.

Zero disso é solene e tem uma vez que intuito expor os seus dados e de outras pessoas.

Dicas para evitar falsos benefícios

  1. Não se deixe levar pela emoção e procure notícias sobre o lançamento do favor antes de fazer seu cadastro;
  2. Não clique em links enviados por mensagens ou redes sociais, prefira acessar diretamente o site solene da secretaria ou ministério responsável pelo favor;
  3. Desconfie se a oferta parecer muito boa;
  4. Não compartilhe mensagens de benefícios antes de ter certeza que a informação é verdadeira;
  5. Fique circunspecto aos golpes e evite ter prejuízos futuros.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui