Abertas inscrições para a iniciativa do governo britânico que apoiará empreendedoras de tecnologia no Brasil

0
134
Links Patrocinados

O programa é gratuito e online, com duração de três meses e capacitará empreendedoras com habilidades e melhores práticas necessárias para iniciar e desenvolver negócios sustentáveis que utilizam a tecnologia para gerar renda e impactar positivamente as comunidades locais e globais.

Estão abertas as inscrições para a 2ª turma da Future Females Business School, programa oferecido pela missão dipomática do Governo Britânico no Brasil através do UK-Brazil Tech Hub. O programa é gratuito e online e terá início em 14 de junho. Na primeira edição, o programa apoiou 55 fundadoras de startups.

A segunda turma terá aulas em português e disponibilizará 50 vagas para empreendedoras brasileiras com negócios de base tecnológica com impacto social ou ambiental positivos. O programa tem duração de 12 semanas e oferece treinamento, mentorias e conexões para que as empreendedoras possam iniciar e desenvolver seus negócios digitais de impacto global.

A segunda edição do programa será disponibilizada em português com vídeos, quizzes, apostilas, mentorias, encontros e todos os recursos acessíveis para quem não domina o inglês.

As mulheres estão sub-representadas nos ecossistemas brasileiros de tecnologia e inovação. De consonância com a Associação Brasileira de Startups, unicamente 12,6% das startups brasileiras têm mulheres entre os fundadores e 26,9% das startups brasileiras não têm mulheres no time.

Outrossim, unicamente 3% das PMEs brasileiras chegam aos mercados internacionais, de consonância com o Global Entrepreneurship Monitor, que exclui a grande maioria das empreendedoras brasileiras dos benefícios de aumento de produtividade, competitividade e receita. O programa Future Females Business School ajudará as mulheres brasileiras a mudar esses números, conectando empreendedoras a uma rede global de base de fundadoras, mentoras, investidoras e especialistas com o mesmo propósito.

A primeira turma da Future Females Business School no Brasil recebeu inscrições de mais de 700 iniciativas de tecnologia lideradas por mulheres de todas as regiões do Brasil e exterior. As 55 startups aprovadas são atuantes em diferentes segmentos, tais uma vez que: agtechs, edtechs, fintechs, varejo e e-commerce, economia criativa, healthtechs, HRtechs, lawtechs, climatechs e serviços.

A maioria dos negócios começou entre 2019 e 2020 e têm até 20 clientes. Durante as 12 semanas do programa, as participantes desenvolvem seus negócios globais, com o base de uma comunidade de mulheres empreendedoras que criam um espaço seguro para compartilharem conhecimentos, dúvidas e objetivos. Foram realizadas mais de 100 mentorias individuais e 32 sessões de mentoria em grupo.

“We are very excited to keep our Future Females Business School partnership with UK-Brazil Tech Hub – to allow women from all over the country to gain confidence, practical do dedo skills, and access the mentoring and community support needed to bring their dream business to life. The entrepreneurs who participate in our programmes are not just building businesses – they’re creating innovative solutions to real problems we’re facing in this ‘new’ world, and act as a source of hope for their communities – and we can’t wait to meet them!” – states Lauren Dallas, Co-Founder & CEO of Future Females.

“O grande sucesso da primeira turma do programa Future Females no Brasil nos inspira a continuar apoiando mais mulheres brasileiras empreendendo com tecnologias de impacto. Os desafios urgentes que enfrentamos no país e no mundo só serão resolvidos quando mais mulheres estiverem primeiro da tomada de decisões, propondo soluções inovadoras através de perspectivas diversas.” – afirma Andrea Motta, Diretora do UK Brazil Tech Hub.

Para quem é nascente programa?

O programa é ideal para empreendedoras brasileiras com uma teoria ou negócio de base tecnológica em estágio inicial que criam impacto social ou ambiental positivo, abordando questões sociais uma vez que pobreza e desigualdades e/ou questões ambientais uma vez que as relacionadas às mudanças climáticas.

O programa é inclusivo, encorajando mulheres cisgênero, transgênero e não-binárias a se candidatarem. Fundadores e cofundadores homens que apoiem o empreendedorismo feminino do dedo também são bem-vindos. Brasileiras baseadas em qualquer região podem se inscrever e encorajamos as inscrições de mais mulheres das regiões Setentrião, Nordeste, Núcleo-Oeste e cidades rurais fora das capitais brasileiras.

O que está incluso no programa?

O programa tem duração de três meses, formado por 10 módulos que conduzem as empreendedoras através de uma jornada para iniciar e crescer um negócio do dedo de impacto global. As participantes aprenderão uma vez que ortografar um projecto de negócios eficiente, uma vez que encontrar e perceber seus clientes ideais e uma vez que usar a tecnologia para erigir sua presença e graduação do dedo. O programa também apresenta especialistas convidadas – empreendedoras em série, executivas, mentoras – que cobrem tópicos críticos de desenvolvimento pessoal, uma vez que superar o susto do fracasso e uma vez que desenredar sua verdadeira paixão.

O programa é online e, ao final, haverá um evento virtual de graduação, onde serão entregues certificados de desfecho e todas as participantes poderão fazer networking e comemorar suas conquistas e seus negócios!

O que é o UK-Brazil Tech Hub?

O UK-Brazil Tech Hub é secção do Programa de Cooperação entre Reino Uno e Brasil em Chegada Do dedo. O UK-Brazil Tech Hub tem uma vez que objetivo concordar o desenvolvimento dos ecossistemas brasileiros de tecnologias de impacto por meio de formações de habilidades digitais e empreendedoras, inclusão do dedo, e base para o desenvolvimento de startups de “tech for good”. O UK-Brazil Tech Hub faz secção da rede International Tech Hub Network (ITHN) que opera também na África do Sul, Nigéria, Quênia, Indonésia e Israel.

O que é Future Females?

A Future Females é um movimento criado para aumentar o número e o sucesso das mulheres empreendendo com tecnologia no mundo. Desde a sua concepção em agosto de 2017 na Cidade do Cabo, África do Sul, tem desenvolvido imensamente. Atualmente ostentando presença em 36 locais ao volta do orbe, onde hospeda eventos regulares para sua comunidade engajada de mais de 80.000 membros e oferece programas de treinamento uma vez que o Future Females Business School.

Porquê se inscrever?

A matrícula é feita através de um formulário onde são compartilhadas informações sobre o negócio. As candidatas aprovadas nesta primeira lanço serão convidadas para uma entrevista 1:1 com uma pessoa da equipe do programa. Esta entrevista ajudará a validar a teoria e direção de negócios, garantindo que o programa é o mais adequado para as candidatas.

 

Links Patrocinados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui